sexta-feira, 21 de outubro de 2011

As Energias para Outubro de 2011


Este será um mês movimentado e significativo, cheio de potenciais e de oportunidades de aprendizado e eu sinto também que ele irá terminar de modo muito diferente do que começou. Há aspectos muito importantes neste mês, incluindo a entrada no 7º e último dia da 9ª onda do Calendário Maia em 11 de Outubro e o seu término em 28 de Outubro. Nós teremos algumas poderosas transmissões de energia também com a lua nova e a lua cheia e algumas realizações preocupantes que tanto nos impulsionará para novos modos de ser, ou nos deprimirá mais profundamente na consciência de vítima. Este é um mês de grandes escolhas, novos entendimentos e uma escolha para a humanidade ter a coragem de ir para onde ela nunca foi capaz de ir antes.

Outubro é também um mês “5”, numerologicamente, (10 + 2011 = 5), o que nos introduz às energias “5”, que iremos experienciar em 2012, assim é uma introdução preliminar do que estaremos experienciando no próximo ano. O 5 é um número complicado, não estável e ancorado na Terra como é o 4, e não é uniformemente centrado e equilibrado no céu e na terra como o 6. Com o 5 estamos a meio caminho entre o céu e a terra, não ancorados em nenhum, mas com acesso a ambos. Cada escolha se torna importante e reflete onde estamos e como podemos ajustar o nosso pensamento para ficarmos centrados e ancorados onde precisamos e queremos estar, em cada área de nossa vida.

Tornarmo-nos conscientes de nosso poder é um pouco como dirigir um carro muito rápido, que silenciosamente e sem esforço nos leva muito acima do limite de velocidade e que parece que estamos mal nos movendo sob qualquer condição. Então quando entramos em nosso próprio carro, as diferenças entre ele e o carro rápido são muito óbvias. Isto ou nos faz sentir inferiores, ou nos motiva para novos modos de ser. Neste mês nos será dada uma oportunidade de vermos o que está do outro lado da montanha que estivemos escalando por tanto tempo, então poderemos comparar este sentimento com o que não está funcionando em nossa vida e poderá parecer que o Universo está conspirando contra nós. Mas este é o nosso chamado para revermos o que não está contribuindo com a nossa alegria, o que tira a nossa energia, o que é muito trabalho e esforço e substituí-lo por outra coisa.

O que nós merecemos, o que realmente queremos, o que estamos dispostos a liberar, a fim de estarmos mais alinhados com os desejos de nosso coração? O alinhamento e a integração são dois grandes temas que experienciaremos pelo resto do ano. Tudo em sua vida está alinhado com o que vocês realmente querem? Se não, deixem-no ir antes que ele parta por sua própria vontade. Vocês integraram o seu aprendizado? Quantas vezes queremos repetir as lições? Uma vez é o suficiente, mas podemos continuar nelas inúmeras vezes, até que integremos o seu aprendizado em nossas vidas, usando esta informação para fazermos outras escolhas. Estamos em um espaço assustador, porque nunca estivemos aqui antes, e agora, mais do que nunca, integrando o que aprendemos, de modo que possamos co-criar o nosso mundo e o mundo, está sobre os nossos ombros. O que quer que escolhermos, o Universo nos apoiará e desde que podemos escolher qualquer coisa, vamos nos concentrar em escolher o mais elevado e melhor para nós mesmos e expandirmos a nossa consciência mais elevada, as nossas intenções para a alegria, o amor, a paz, o alinhamento e a integração no mundo.

Texto de Jennifer Hoffman

Fiquem bem

(A Mónada)